Deixe Ecoar – 9ª Conferência Nacional para Jovens de 15 a 20 anos (AJSI-TEEN)

Departamento Teen da AJSI/BR e Nova Civilização 

Você já imaginou participar de um evento para jovens com toda a energia da Nova Civilização? Com a temática central “Deixe ecoar”, o Departamento Teen da AJSI/BR realizou no dia 18 de maio de 2019, na subsede da SEICHO-NO-IE DO BRASIL, um dia repleto de aprendizados para promover a reflexão acerca das ações práticas para a construção de um mundo melhor.
Cheia de plantas e, principalmente, mudas de temperos e de hortaliças, a decoração do salão convidava, desde a entrada, as pessoas a sentirem vontade de plantar, cultivar. Mais de 1.500 rolos de papelão, aqueles que geralmente são descartados após o uso do papel higiênico, foram cortados, colados e transformados, artesanalmente, em cubos suspensos, feitos graças à dedicação e ao amor de muitos líderes. Três tipos de folhetim com informações sobre os Clubes da Seicho-No-Ie, “Por que se dedicar a trabalhos voluntários” e “Por que deixar de comer carne”, estiveram à disposição para quem quisesse levá-los.
Líderes da AJSI/BR levaram a representatividade para o palco, com falas que retratavam as diferenças culturais, e expuseram fatos sociais e ambientais do nosso país, dos últimos tempos, na abertura, promovendo a reflexão sobre a necessidade de nossa mudança de postura. Na sequência, com muita emoção, os apresentadores declararam todos os feitos realizados por vários jovens, da faixa etária de 15 a 20 anos, que modificaram situações, hábitos e comportamentos pelo bem da comunidade em que estão inseridos, do país e do mundo.
Para repensar sobre o modo de vida automático e as escolhas que fazemos, seja para a escolha da profissão, seja para escolhas simples do dia a dia que podem impactar o todo, a Preletora em grau Sênior Iara Regina Colombo iniciou com a palestra “Por que faço assim, mesmo?”. Depois, com o tema “Tá bloqueado!”, coube à Preletora em grau Sênior Mariangela de Souza Moreira Gomes a responsabilidade de falar sobre os relacionamentos descartáveis e fazer um paralelo com o consumismo, reforçando o valor dos vínculos. Os trinta minutos seguintes da programação foram preenchidos por falas incisivas do Preletor em grau Júnior Paulo Rocha Coelho, que levaram os participantes a pensar na alimentação à base de carne, na ética e em sua relação com a paz mundial.
No fundo do salão era possível realizar a inscrição nos clubes de Artesanato, de Horta Orgânica e de Bicicleta da Seicho-No-Ie, em um espaço com computadores reservados especialmente para essa finalidade.
O período da tarde iniciou, após toda a confraternização liderada pela banda com um alegre show do almoço, com um intenso debate entre os orientadores e o público. Perguntas foram levantadas e, com a finalidade de praticar o auxílio mútuo, opiniões foram emitidas acerca de questões relacionadas a voluntariado, vestibular, escolha da carreira, homossexualidade e gratidão aos pais, entre outros assuntos. Por falar em trabalho voluntário, um espaço para entrevista foi reservado. Duas líderes da AJSI DO BRASIL, Heloisa Dandara Ribeiro de Lima e Beatriz Akinyele Ribeiro Lima, da Regional SP-São Miguel Paulista, falaram sobre o seu trabalho na organização não governamental (ONG) em que atuam em paralelo aos seus trabalhos na Associação dos Jovens. Foi inspirador, tanto quanto a participação da Líder da Iluminação Luiza Borges Terra, que mostrou, em seu relato de experiência, como a sua decisão em eliminar a carne da alimentação, por ter compreendido o valor da vida de todos os seres, mudou também a forma de enxergar o mundo e as pessoas ao seu redor.
“A Seicho-No-Ie é prática!” foi uma das primeiras frases do Preletor em grau Sênior Valter Otaviano da Costa Ferreira Júnior na palestra conclusiva, que aqueceu o coração de todos, que saíram dali com vontade de colocar realmente em prática desde pequenas mudanças de hábitos até grandes projetos para o bem maior, fazendo ecoar o seu amor por todos os seres viventes.
Na saída, cebolinhas, salsinhas, pimentas, cominhos, hortelãs, alfaces, couves e todas as demais mudas foram doadas a membros da comissão e participantes que desejaram começar a experiência de possuir uma horta orgânica em suas casas. Até hoje, o Departamento Teen da AJSI DO BRASIL recebe fotos das hortas e notícias de como essa iniciativa tem mudado hábitos das famílias. Que nossas ações ecoem. Deixe ecoar!

.

 

 

 

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *