foco

Concentração e foco

“Pim pim!” (som do WhatsApp). Aí você deixa de lado a concentração naquilo que está fazendo para ver quem o está chamando. Quantas vezes isso acontece com você por dia?

Hoje, somos bombardeados com novas informações a todo instante, e todas elas estão ao nosso alcance no momento em que desejarmos. Até mesmo informações sobre o relacionamento de um amigo, se ele está viajando ou sobre o que pensa.

A concentração e o foco são ferramentas de extrema importância para o sucesso. Por exemplo, quantas vezes você decidiu estudar inglês, ou fazer academia, ou estudar outra língua… e, depois de um tempo, ainda não realizou?

O antônimo de concentração mental é incoerência, pensamentos ociosos, imaginações tolas, indecisão etc.

Se uma chamada de um aplicativo estiver informando que um amigo mudou de relacionamento já tira sua concentração do trabalho, estudos etc., dispersando seus pensamentos para outro rumo, imagine então dispersar sua atenção com diversas distrações o dia todo! E o seu projeto inicial de começar a estudar ou de fazer academia vai ficando sempre para depois ou para quando der.

De repente a pessoa se dá conta de que se passaram cinco anos de sua vida e, até agora, ela ainda não fala inglês, não se aprimorou no português, não fez dez abdominais, não leu livros… e tudo isso porque ela não tinha o foco num elemento muito importante: nela mesma.

Sim, principalmente os jovens, que têm a habilidade de aprendizado rápido e de pensar rápido, podem usar seu precioso tempo para se tornar um vencedor, uma pessoa de sucesso. E o princípio inicial disso é focar nele mesmo.

Você deve estar pensando: “Como assim focar em mim mesmo? Que é isso?”.

Quando estamos apaixonados, ficamos o dia todo pensando na pessoa, lembrando de diversas cenas que nos fazem suspirar mais fundo e pensando em alguma coisa para poder fazer a pessoa feliz, ou em como ficar mais tempo com ela. Na realidade, toda a nossa concentração e todo foco estão voltados para essa pessoa, e tudo o que a gente faz é pensando nela.

Focar e concentrar-se em você mesmo é se conhecer melhor. É conhecer e descobrir seus sentimentos, como controlar seus impulsos e seus sentimentos na hora necessária, aprender como a disciplina é necessária etc.

Assim, você vai perceber que cada decisão gera um sentimento e sensações diferentes. Se você não focar na dieta, acabará comendo um pedaço de bolo hoje e, amanhã, poderão ser dois pedaços, e assim seu objetivo final não será alcançado por falta de concentração e foco.

Eu gosto muito de comida japonesa, e outro dia o meu marido me levou para comer num restaurante por quilo que também serve comida japonesa. No réchaud, deixam alguns sushis, mas, num canto do restaurante, um sushiman prepara o prato que o cliente quiser: temaki, jyo etc.

Se eu ficasse olhando apenas o sushi, não teria visto o balcão onde estava o sushiman e deixaria de comer o que mais gosto, temaki, sashimi etc., ou seja, se não estivesse com a minha mente 100% concentrada no que estava fazendo (em meus atos), apenas em um determinado ponto, os sentimentos que sentiria seriam de chateação e de frustração.

Quantas vezes isso pode acontecer com as pessoas? Por falta de uma concentração mental adequada, desperdiçamos grandes oportunidades na vida. É importante ficarmos atento a tudo à nossa volta, sem perder o foco.

 

O segredo da concentração mental

No livro A Verdade, v. 2, está escrito:

“O que se pensa na mente é que toma forma concreta. O que a pessoa pensa quando está emocionalmente exaltada se concretiza ainda mais facilmente. Com o ânimo exaltado, a pessoa se fixa apenas em um ponto, sem dar margem a outros pensamentos; então, pode-se dizer que esse estado constitui uma espécie de concentração mental”.

Alguns fatos se repetem justamente devido a essa concentração mental. São fatos que marcaram a vida justamente porque se teve emoção.

Quer fazer o teste? Tente se lembrar de um episódio que aconteceu na sua vida em 2009 ou 2008. A probabilidade de você se lembrar de algum momento muito feliz ou muito triste é altíssima, pois foi gravado em sua mente com emoção.

Até se tornar capaz de usar plenamente a sua capacidade de concentração mental, você pode ser uma vítima que é arrastada pela mente da consciência.

No livro O Amor Supera o Castigo, Lifer diz: “Se deseja vencer na vida, você precisa conhecer o método correto de concentração mental, tornando-se capaz de ouvir o que é preciso ouvir e ver o que é preciso ver”.

Quem não usa a capacidade que tem de escolher o pensamento deixa qualquer pensamento dominar sua mente e, não se concentrando em algo específico, fica com a atenção dispersa, torna-se indeciso, e, assim, o fracasso é inevitável.

Na reunião dos funcionários da Sede Central que acontece às terças-feiras, certa vez o prof. Paulo Saita relatou que fazia uma viagem de duas horas e meia para ir e mais duas horas e meia para voltar e que, durante todo o trajeto da viagem, ele recitava “Reino de Deus de Infinita Provisão”. Passado algum tempo, ele ganhou uma moto!

Como demoro em média de uma hora e meia a duas horas da Sede Central até a minha casa, costumo vir trabalhar escutando o CD A Verdade em Orações, mas, na volta, em que o trânsito é mais pesado, antes eu costumava ouvir o rádio e cantava sozinha no carro, às vezes até dançava! Era uma cena meio hilária e fazia com que muitas pessoas se distraíssem e se desligassem do trânsito. Então resolvi mudar a cantoria e fazer a recitação.

Eu havia gravado em minha mente que não tinha sorte, pois, quando criança, ganhei certa vez uma garrafa de molho de soja num sorteio e, quando cheguei na frente de minha casa, a sacola arrebentou e a garrafa estourou.

Depois de apenas um dia fazendo a recitação, mudando o meu sentimento, com verdadeira concentração, ganhei um prêmio em um sorteio!

Não importa se o resultado demora ou não, tudo vai depender de quanto você se esforça a mudar sua mente e de manter o foco.

 

Capacidade de escolha

O sucesso depende de ter ou não a capacidade de concentrar a energia naquilo que deseja ver realizado.

Ficar diante de um espelho sorrindo e mentalizando que é feliz, alegre, é um método para que a sua mente se concentre na felicidade e na crença de que sua vida é o caminho da alegria.

Quando a mente consciente trabalha de acordo com o nosso ideal, aproximadamente 5% dela está focada. A “mente da tendência” ou do “hábito” constitui aproximadamente 95% e está oculta sob a camada superficial. Quando a “mente do hábito” ou “mente da tendência” também vir a trabalhar concentradamente para a realização do seu ideal interno, em seu destino certamente estará escrito: SUCESSO.

Ao realizarmos a Meditação Shinsokan, aumentando a consciência e a concentração mental de sermos unos com Deus, e aumentarmos a emoção de sermos vivificados por Deus, a “mente da tendência” caminhará sempre em caminhos dignos de filhos de Deus.

Para aprender mais sobre a Meditação Shinsokan, sobre a “mente da tendência”, recomendo a leitura do livro A Verdade da Vida, v. 8.

Nós nos transformamos de acordo com o que a nossa mente concebe. Tornamo-nos aquilo em que acreditamos.

Por sermos filhos de Deus, perfeitos, possuímos em nosso interior o infinito. Sim, podemos manifestar alegria, amor, paz – tudo infinitamente. Pois são virtudes de Deus, e, ao manifestarmos a nossa natureza divina, manifestaremos cada vez mais Deus em nossa vida.

Caro leitor, expanda a sua concentração mental, faça bom uso dela para o seu sucesso e o de seus familiares. Acredite e viva a sua essência divina em todos os aspectos, e, com certeza, as pessoas que entrarem em contato com você se tornarão tão alegres e felizes quanto você.

 

Sucesso sempre, você merece!

 

Aspirante a preletora da Sede Internacional Sheila Miyazaki de Lima

 

Publicado na revista Mundo Ideal #242

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *