O Jogo da Imitação

Juventude é um período maravilhoso. Nesse período tudo é lindo, tudo é alegria, tudo é esperança. É importante saber viver bem esse período.

O período da Associação dos Jovens da Seicho-No-Ie é exatamente esse período. Quando eu pertencia a essa associação costumava dizer aos colegas para aproveitar bem esse período, pois passa rápido e não volta mais. Depois desse período, na idade mais madura, nós vivemos mais tempo, ou seja, o período é mais longo,  pois vai até o término da vida, porém, a vida passa a ser mais difícil, pois aumentam as responsabilidades, o que deixa as pessoas viverem de forma menos alegre. Quando se fala em aproveitar e viver bem, algumas pessoas poderão pensar que se trata de brincar, divertir, gozar, enfim, fazer coisas que agradam ao corpo físico.  Porém, aproveitar não é isso.  Aproveitar e viver bem significa fazer algo que será benéfico no futuro.  Estudar coisas diferentes, conhecer lugares diferentes,  ter  novas experiências, criar novas amizades, é nessas coisas  que consiste o aproveitar.

Leia mais

A Pátria ideal já existe

No livro A Verdade da Vida, volume 37, o mestre Masaharu Taniguchi nos diz que o Japão não é mera extensão de terra, mas a própria Ideia da Grande Harmonia, a qual  se projetou sobre a face da Terra, tomando a forma de “fundação do Japão”. Foi o Espírito da Grande Harmonia que desceu dos céus com a finalidade de harmonizar todos os países. Por isto o Imperador, ao estabelecer sua capital, a chamou de Yamato (Grande Harmonia) e até hoje o Japão é reconhecido como a Cultura do Yamato, a cultura da Grande Harmonia. O Brasil também não é mera extensão de terra. É a ideia da Cruz Verdadeira, a Cruz que anula os pecados, a Cruz de Cristo (Imagem Verdadeira) que se projetou sobre a face da Terra.

Leia mais

Siga em frente sem medo de ser feliz

Muitos jovens são dominados pelo meio em que vivem, ou seja, estão a mercê das circunstâncias.

Não lhes falta recursos para vencer no mundo, mas coragem para enfrentar a si mesmos, enfrentar seus próprios medos. Por receios imaginários, não realizam seus sonhos de quando eram crianças ou mais jovens.

Enquanto vivem ao ritmo “deixe a vida me levar”, por dentro arrastam angústias e vivem dias sem rumo – sobrecarregados, tristes, decepcionados, uma constante sensação de que estão perdendo algo. E de fato estão. Leia mais

Qual é o Grilo

“Descobri que meu namorado estava me traindo. Ele veio tentar uma reconciliação mas não sei se conseguirei confiar novamente, apesar de amá-lo.”

“Tenho 20 anos, frequento a Seicho-No-Ie, pratico a Meditação Shinsokan, leio os livros e sutras sagradas. Há uma semana, descobri que meu namorado estava me traindo. Fiquei muito triste e, apesar de tudo, não sinto raiva e nem ódio dele. Ele veio me procurar para tentar uma reconciliação mas não sei o que pensar, não sei como agir, não sei se conseguirei confiar novamente nele e, ao mesmo tempo, como o amo tanto, tenho vontade de voltar para ele. Ele nunca teve uma família estruturada, é jogador de futebol e não consegue nenhum time para jogar. Preciso de uma orientação. Muito obrigada.” 

Leia mais