Seinen e Junia - Academia de Ibiúna - 2014

Jovens e Juvenis na Academia de Ibiúna: entusiasmo pela vida

Jovens e juvenis da Seicho-No-Ie se reuniram na Academia Sul-Americana de Treinamento Espiritual de Ibiúna para aquele não seria mais um Seminário. O calor dos dias 11 e 12 de outubro de 2014 prenunciaram a acalorada recepção. Eram os Seminários de Treinamento Espiritual para Jovens e Juvenis (em japonês) que estavam para começar!

Com o tema central “O que o mundo busca através de você”, o Seminário para Seinens contou como orientadores os preletores Leonor Ichikawa, Roberto Okito Fugiwara e Aníbal Ferreira de Lima Neto e, como convidado especial, o Presidente da AJSI/BR, preletor Regis Yoshio Shimanoe. Para os seinens, reflexões importantes foram feitas: “estamos preparados e disponíveis? Como lidamos com as oportunidades?” foi instigado o espírito vivo dos jovens a se manifestar.

“Pais: meu passado, presente e futuro”, foi a temática central do Seminário para Junias teve como orientadores os preletores Haruko Habiro Ribeiro da Silva e Rafael Fraga de Andrade, o líder da iluminação Douglas Tomazelli e, também, o preletor Regis Yoshio Shimanoe como convidado especial. Com chocolates, bom humor e carinho de chamar a atenção quando é preciso, os orientadores falaram da importância da alegria, da gratidão aos pais e da nossa origem de filhos de Deus.

A presença de banda para tocar hinos sagrados e músicas da Seicho-No-Ie foi um toque a parte. A banda sorrindo e cantando palavras afirmativas e positivas chegou aos nossos corações com intensidade.

A prática da Meditação Shinsokan de Oração Mútua foi grande destaque. Um jovem disse o quanto era difícil admitir que precisava da oração – “se sou capaz, consigo resolver sozinho” – mas que decidiu receber e que foi “como se tivessem tirado 50kg de suas costas”.

Os presentes voltaram para suas casas repletos de entusiasmo, alegria e gratidão. Era a certeza de que a vida vale a pena ser vivida!

Por Aurélio Keiji Miyaura

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *